Sexta, 07 de agosto de 2020
(86) 9 81736994
Maranhão

Postada em 19/04/2020 ás 17h39

Publicada por: Liliane Alves

Fonte: Enquanto isso no MA

Homem mata mulher, ateia fogo na casa e acaba morto ao inalar fumaça, no Maranhão
De acordo com o delegado Erich Feitosa Gomes, que apura o caso, o crime de feminicídio aconteceu na localidade Vila Emiliana, em João Lisboa, por volta das 22h, após uma discussão do casal.
Homem mata mulher, ateia fogo na casa e acaba morto ao inalar fumaça, no Maranhão

Foto: Reprodução

Um homem identificado como Antônio José Alves Araújo matou a sua companheira, reconhecida como Maria Leila Cardoso Dantas, na noite de sexta-feira (17) com um golpe de faca no pescoço e ateou fogo na residência do casal que ficava situada no município de João Lisboa, a 650 km de São Luís.

De acordo com o delegado Erich Feitosa Gomes, que apura o caso, o crime de feminicídio aconteceu na localidade Vila Emiliana, em João Lisboa, por volta das 22h, após uma discussão do casal. Ele revela que a vítima morreu por asfixia após levar um golpe de faca na região do pescoço.

“Segundo a perícia, a causa da morte da mulher teria sido por asfixia por estrangulamento. Ou seja, a vítima sofreu um golpe de arma branca da região do pescoço”, contou o delegado Erich Feitosa Gomes.

O delegado disse ainda que Maria Leila teria tentado sair de casa, quando foi surpreendida pelo suspeito que não aceitava o fim do relacionamento. Após golpear a mulher, Antônio José teria ficado no local, onde ele ateou fogo em um colchão e pode ter morrido após inalar a fumaça no local.

“Deve ter ocorrido uma briga do casal, e na discussão, Antônio José teria pegado uma faca e desferido no pescoço da vítima. Após isso, ateou fogo no colhão e ficou no local, com a intenção de cometer suicídio”, finalizou o delegado.

Fala Piauí no Facebook:
imprimir

Veja também

»
Receba notícias do Fala Nordeste pelo WhatsApp WhatsApp
© Copyright 2020 - Fala Nordeste - Todos os direitos reservados - E-mail: [email protected]
Site desenvolvido pela Lenium